Blog sobre Iluminação, Arquitetura, Design

Posts Tagged ‘balizador’

Projeto luminotécnico = QUARTO DE BEBÊ E CRIANÇAS

In Projeto luminotécnico on 11 de abril de 2013 at 14:17

Aqui no blog Chandelier já vimos alguns projetos luminotécnicos que estão divididos por ambientes como: Cozinha, área de serviço, quarto de casal e sala de banho.
Hoje iremos falar um pouco sobre quarto de bebês e crianças. E nos próximos posts completar com outros ambientes que complementam uma residência.

child.11Fonte da imagen site: Flickr.

Para quarto de bebês e crianças não tem muito segredo na hora de iluminar, dois pontos muito importantes é a luz geral e um abajur. E junto com isso uma dica de sucesso é usar algum sistema de dimmer. Um equipamento que possa equalizar a luz, deixando luz total quando necessário, ou minimizar para uma luz mais tênue quando as crianças estiverem dormindo. É importante nunca deixar um ponto de luz como arandela ou pendente próximo ao alcance das crianças. Pois quem tem filhos sabe como as crianças são.

A luz geral pode ser definida com plafons de luz indireta (de preferência), pendentes ou lustre. A quantidade de luz é determinada pelo tamanho do quarto, e procure usar lâmpadas com 2.700k.  Muitas das imagens abaixo você verá que a solução foi resolvida com esses tipos de luminárias. Mas uma dica muito interessante também, quando tiver rebaixo de gesso, é trabalhar com sancas invertidas, assim a iluminação ficará com o efeito de luz indireta, que é mais confortável e dará mais liberdade na criação do desenho da luz. Outro equipamento com caráter mais “lúdico” são os efeitos de fibra ótica, mais conhecido como céu estrelado. A fibra ótica em si iremos reservar um post especial para abordar sobre. Mas abaixo seguem duas imagens para inspiração.

child.18Fonte da imagem site: Clique Arquitetura.

child.19Fonte da imagem site: Quarto de Bebê.

child.12Fonte da imagen site: Pinterest.

child.07Fonte da imagem site: Pinterest.

child.08Fonte da imagem site: The boo and the boy.

child.01Fonte da imagem site: The boo and the boy.

child.13Fonte da imagem site: Pinterest.

child.16Fonte da imagem site: The boo and the boy.

child.14Fonte da imagem site: Handmade Charlotte.

child.09Fonte da imagem site: Pinterest.

child.05Fonte da imagem site: Daffodil Design.

child.03Fonte da imagem site: My scandinavian home.

child.02Fonte da imagem site: RH baby and child.

child.04Fonte da imagem site: The boo and the boy.

child.10Fonte da imagem site: Du côté de chez vous

child.06Fonte da imagem site: The boo and the boy.

child.15Fonte da imagem site: Handmade Charlotte.

child.17Fonte da imagem site:  Pinterest.

Sou fã das luminárias mais lúdicas, com cara de brinquedo e efeito de iluminação, é perfeito para o ambiente das crianças.
Ficou aqui no post algumas dicas para iluminar o quarto dos pequenos. O blog está aberto a sugestões, dúvidas e dicas para os leitores. Podem enviar diretamente pelo post ou no meu e-mail: juliana.visnheski@gmail.com

Anúncios

Sensor de presença na escada

In Informções técnicas on 23 de março de 2011 at 10:27

Lembram do post que falamos sobre iluminação de escada? Bom, quem não pode acompanhar vai ai o link, Como iluminar escada? , no final desse posto falamos em sensor de presença para a funcionalidade da escada, e por surpresa essa semana tive acesso na internet sobre o trabalho do alemão Edo Kriegsmann. Tem o gosto por móveis e utensílios interativos, e o que passou a fazer parte de seu lar é um sensor sequencial, que pode dar início tanto de cima para baixo como de baixo para cima. Vejam as fotos e o vídeo.

Imagens acima do site Dornob.

Como iluminar escadas?

In Efeitos de iluminação, Informções técnicas on 21 de março de 2011 at 0:17

Em um projeto luminotécnico um dos locais mais delicado de se iluminar é: a escada.
Há vários fatores que precisamos levar em conta:
1 – Qual modelo da escada? helicoidal, espinha de peixe, em caracol, em L, em U e etc.
2 – Qual o revestimento e a estrutura utilizado?
3 – É projeto novo ou reforma?
4 – É ambiente comercial ou residencial?

Bem, levando em conta todos esses itens mãos a obra, pois cada situação tem soluções diferentes de se resolver. Vale algumas dicas para prestarmos atenção, porque a iluminação da escada tem a função de guiar um caminho, jamais ofuscar  usuário. Exemplo: em alguns casos como escadas soltas de paredes é um pouquinho complicado de resolver, pois, se a única solução for colocar um embutido no teto jogando luz para a escada, ficara iluminada, mas, como vai ser a manutenção dessa lâmpada? Quando se tem habito de chamar eletricista para trocar as lâmpadas é mais fácil, pois eles tem habilidade com a escada de manutenção e o equipamento da luminária, mas se você for do tipo que gosta de resolver os probleminhas de casa, confesso que é uma situação mais delicada. Outra solução para essa mesma escada é colocar balizadores no espelho ou no degrau, porém, se a escada já estiver construída, é extremamente complicado executar. Há alguns casos de escadas em U ou mesmo reta, em que a parede tem algum revestimento bonito e vale a pena ser destacado. Então neste caso podemos usar até os dois efeitos, colocarmos pontos de luz no teto para lavar de luz o revestimento da parede, mas também usarmos os balizadores nos degraus. Separei algumas imagens para ilustrar essas dicas:

Fonte das imagens acima: foto da esquerda site tudo é dimais foto da direita site cores da casa.
Nesses dois modelos de escada podemos observar que os balizadores são embutidos na parede e cada um fornece um desenhos de luz diferente. É sempre muito importante nesses casos onde a luminária é embutida na parede, de observar a altura do rodapé, ou você coloca os balizadores no centro no rodapé ou acima do mesmo.

Fonte da imagem acima: site casos de casa.
Neste caso é praticamente impossível de se colocar balizador no próprio degrau, então instalar na parede é a melhor solução. Caso você tenha criança em casa, muito cuidado na escolha da luminária. Pois hoje temos algumas opções com lâmpadas halógenas, que são lâmpadas quentes, e se a criança colocar a mãozinha na luminária pode vir a machucar, mas os balizadores com lâmpadas halógenas são mais em conta, você pode encontrá-los até na faixa de 100 reais, oscilando para mais ou para menos. Outra opção é as luminárias com LED, com a vantagem na economia de energia e não produz menor calor. O valor da peça pode oscilar na casa de 400 reais dependendo do modelo.

Fonte da imagem acima: site casos de casa.
Essa escada foi bem solucionada com balizadores na base do guarda-corpo.

Fonte das imagens acima: foto da esquerda site Oglobofoto da direita site casos de casa.
Na imagem da esquerda ficou bem interessante e diferente a proposta da iluminação da escada, ela esta solta da parede e criou-se um nicho para colocar lâmpada fluorescente tubular ou fita de LED. Dessa forma a luz fica mais homogênea e continua. Na imagem da direita é mais um caso onde dificulta a instalação da luminária no próprio degrau, então a solução é instalar na parede.

Fonte da imagem acima: site casa.com.br, Projeto das arquitetas Fabiana Avanzi e Tininha Loureiro.
Diria que iluminar essa escada não é tarefa fácil. Pois é uma escada em balanço e a parede é toda com revestimento irregular, ou seja, é um desafio. Neste a caso a arquiteta preferiu usar um balizador externo fazendo facho de luz para cima e para baixo. A única questão que eu diria neste caso é para se tomar cuidado com balizadores externos, pois eles colocados de forma inadequada pode prejudicar a circulação do espaço. Esse é um caso também que podemos utilizar a iluminação vindo do teto e lavando a parede de luz, para valorizar o revestimento.

Fonte da imagem acima: site casa.com.br, projeto do arquiteto Vicente Giffoni.
Este é um caso onde a escada é em balaço, mas ela é oca pode dentro, então houve a possibilidade de passar a fiação pela parte interna de cada degrau. Mas para isso lembre-se, é preciso de um projeto bem definido antes da execução do mesmo.

Fonte da imagem acima: site casa.com.br, projeto do escritório Núcleo de Projeto.

Fonte da imagem: site casa.com.br, projeto do escritório Marchetti + Bonetti Arquitetos Associado.
Nas escada com revestimento de madeira o mais indicado é os balizadores com LED em função da ausência de emissão de calor.

Fonte da imagem acima: site casa.com.br, projeto do artista plástico Ruy de Mello.
Como você resolveria a iluminação dessa escada? Difícil né? Bom, nesses casos há algumas soluções para se usar, algumas delas é: usar a iluminação no jardim de inverno, usar arandelas nas paredes próximas ou até mesmo vindo do teto. Lembrando da dica que falei já no início, porque trocar lâmpada em cima de escada é sinônimo de montar uma escada em cima de outra escada, então é sempre bom chamar um técnico da área para poder trocar a lâmpada. Outro cuidado importante quando se adota colocar o ponto de luz no teto é, procurar especificar lâmpadas de longa duração e que não ofusquem.

Fonte da imagem acima: site casa.com.br, projeto do arquiteto René Fernandes Filho com Adriana Ross.
Neste caso a solução adotada foi balizadores com LED instalados no espelho da escada.

Vale no final deste post três dicas bem importantes: Sempre, mas sempre antes de executar qualquer elemento, projete e analise bem as possibilidades executaveis e com fácil manutenção. Outra dica é os circuitos dos interruptores, nunca esqueca de colocacos com 3W, assim você pode ascende-los ao subir e apagar quando chegar no próximo pavimento. Vale também projetar sensores de presença, assim, principalmente no uso noturno a circulação é mais segura e você não terá a preocupação de desligá-lo na chave do interruptor.


 

Versatilidade no seu jardim

In Iluminação para Jardim on 26 de julho de 2010 at 11:00

Fonte da imagem site Mocoloco.

No meio da coleção de luminárias da Santa & Cole encontramos uma luminária muito versátil para seu jardim. A Luminária tem três alturas, com  33,  55 e 99cm de altura, não depende de fiação para ser instalada, ela é alimentada por uma bateria e sua fonte de luz é com LED (Diodo Emissor de Luz). Nas opções com filtro verde e âmbar e sua base pode ser com finco ( para solo ) ou base reta com parafuso ( para calçadas ). Resistente a intempéries.