Blog sobre Iluminação, Arquitetura, Design

Archive for fevereiro \26\UTC 2013|Monthly archive page

Imagem do dia

In Luminária decorativa on 26 de fevereiro de 2013 at 9:00

Fonte da imagem site: Pinterest.

Anúncios

Iluminação para piscina

In Projeto luminotécnico on 20 de fevereiro de 2013 at 19:54

piscina.06Fonte da imagem site: Homedit.

Hoje nosso assunto é um tanto “fresquinho” para um dia de verão brasileiramente quente. Quem não gosta de um banho de piscina, estar com os amigos, a família, fazer uma festa na beira da piscina? Hum…..está ficando interessante.

E cada projeto de piscina tem uma diferente geometria, espaço, cor de acabamento… integrando com a arquitetura e o desenho paisagístico. Essa semana no blog do Rodrigo Barba foi abordado sobre piscinas biológicas, uma nova técnica “eco” de se montar uma piscina.

No projeto luminotécnico do paisagismo incluimos também a piscina. Elas merecem um cuidado especial na hora de definir o projeto, pois elementos como tamanho, profundidade, geometria e cores de acabamento influenciam muito no resultado final. Para isto é necessário definir o desenho da piscina e posteiormente a iluminação, muito antes de ser executada. Porque é necessário executar a passagem da fiação e determinar a casa de máquinas. Que também será influenciado pelo tipo de equipamento luminoténcico a ser definido.

  • Vamos começar comentando sobre iluminação pontual:

Estes são resolvidos com spost embutidos na piscina. Esses pontos podem emitir luz com a lâmpada dicróica, LED ou fibra ótica. A dicróica é a menos recomendada, principalmente porque consome em média de 35 à 50W cada ponto de luz, enquanto o LED e a fibra ótica é de baixo consumo.

piscina.11
Fonte da imagem site: Sol&ar.

Nesta imagem acima, é um modelo com LED com sistema RGB (red, green and blue) com painel e controle remoto que permitem programar a coloração da luz para ficar rotacionando as cores dentro das derivações do RGB. Mas se você preferir, um dia ela pode ficar somente azul, no outro lilás, no outro âmbar… dependendo do evento. Ok, ok… você não gosta da troca de cores? Tudo bem, pode deixar uma cor apenas, o azul ou o branco que são os mais tradicionais.
Nas imagens abaixo você pode verificar o efeito de luz pontual dentro da piscina e na cascata.

piscina.05Fonte da imagem site: mediacache.

piscina.02Fonte da imagem site: Home DSGN.

piscina.04Fonte da imagem site: Contemporist.

piscina.09Fonte da imagem site: Blue Haven Pools.

  • SideLight ou fita de borda com fibra ótica:

O sidelight é uma fita que contorna a borda da piscina e não transmite energia elétrica. O interessante deste material é efeito de “contorno” como um balizador e transmite um efeito de luz mais homogêneo na água. Veja nessas três imagens abaixo o efeito de acabamento.

piscina.10Fonte da imagem site: Blue Haven Pools.

piscina.07Fonte da imagem site: Blue Haven Pools.

piscina.08Fonte da imagem site: Blue Haven Pools.

  • Refletor com fibra ótica ou EndLight:

O EndiLight é um embutido para piscina com fibra ótica, essa fibra é o elemento que conduz a iluminação, enquanto a fonte de luz fica na casa de máquinas, facilitando a manutenção e tranquilizando o usuário da piscina em não receber condução energética ou térmica. O efeito de luz na água fica com um aspéctico “gelatinoso”, diferente das primeiras imagens que vimos aqui no post. Este equipamento também possível as trocas de cores.

piscina.03Fonte da imagem site: DesignRulz

piscina.12Fonte: Fasa.

  • Spots com Par 38 Dichro Blue:

Essa solução é interessante para quem já tem a piscina instalada e quer um efeito de luz na mesma. Esse spot com a lâmpada Par 38 dichro blue é próprio para área externa. É necessário instalá-lo num local alto e direcionar o spot de modo refletir a luz na água. Seu efeito de luz é na cor azul.

piscina.13Fonte da imagem site: La Lampe.

  • Luminárias lúdicas:

Uma forma alternativa e lúdica de iluminar piscinas, são as luminárias soltas com fonte de luz de LED com bateria. É prático e charmoso.

piscina.01Fonte da imagem site: Home Concept Decoration.

  • Efeito espelho d’água:

E se você preferir, pode optar pelo efeito espelhado. Neste caso não é necessário luminária aquática, porém só funciona se o revestimento da piscina for escuro. Neste caso trabalha-se muito bem a iluminação no jardim, juntamente com o projeto paisagístico. Assim, toda a iluminação que acontece no jardim é refletida na lamina d’água.

ld-1Fonte da imagem site: Light Design.

Imagem do dia

In Luminária decorativa on 19 de fevereiro de 2013 at 9:00

Fonte da imagem site: Pinterest.

Casa Celeiro, e um luminotécnico despojado.

In Projeto luminotécnico on 12 de fevereiro de 2013 at 9:30

33Procurando por matéria para o blog, encontrei os projetos da Designer Joséphine Gintzburger e simplesmente me apaixonei. Me apaixonei por essa composição de celeiro virar casa, o mix de peças modernas com clássicas, com a estrutura aparente e um luminotécnico pra lá de despojado. Neste post então vamos passear pelo projeto da casa Bourgogne 2 , e nos próximos post podemos analisar os outros projetos.

22

11

4

19

6

20

10

81

91

111

141

151Esses lustres ficaram muitos charmosos distribuindo luz para estes ambientes integrados.

161

181

261Olha que encanto dessas linhas minimalistas compondo com as obras de arte e as luminárias no estilo Art Nouveau. O mais charmoso foi a composição com 3 luminárias juntas, contribuiu com mais valor para as peças e a iluminação do quarto ficou por conta somente dos abajures, observem que o teto ficou completamente limpo.

281

29

211

231

351

341

311

301

371

391

411

401Fonte das imagens site: Design Rulz

Imagem do dia

In Luminária decorativa on 12 de fevereiro de 2013 at 9:00

Fonte da imagem site: Pinterest.

Hotel PORTAGO URBAN

In Projeto luminotécnico on 7 de fevereiro de 2013 at 7:00

1_portago 1Hotel PORTAGO URBAN por ILMIODESIGN. 

Um projeto lúdico e convidativo, o Portago Urban é bem alimentado de mobiliário de design e banhado de arte luminotécnica. Esses pendentes em formato de chapéu nos lembra características do artista René Magritte.
O ambiente lhe convida ao bem estar com frases de “prazer em conhecê-lo”, “boa noite”, “relaxe”…

1_portago 2

3_portago

4_portago

5_portago

6_portago

7_portago

8_portago

9_portago

10_portago

11_portago

12_portago

13_portago

14_portago

15_portago

16_portago

17_portago

18_portago

19_portago

20_portago

21Fonte das imagens site: ILMIODESIGN.

Uma ousada casa de campo.

In Projeto luminotécnico on 6 de fevereiro de 2013 at 7:00

cottage_01

O conceito do designer holandês  Joris van Grinsven  é decorar uma casa sem perder o estilo e a essância da arquitetura presente, seja ela um casarão antigo, um castelo ou um celeiro. As marcas da história continuam ali presente, exalando a magia do passando interagindo com o presente.

“O estilo de vida diária dos meus clientes é o que determina o projeto para suas casas.” 

“Respeito a função original da arquitetura do edifício, é o ponto de partida. Você pode viver fantasticamente em um celeiro, em uma capela, num castelo ou em uma casa. Um celeiro continua a ser um celeiro, uma capela nunca se torna um castelo e uma casa é uma casa. “

“Móveis é um elemento determinante. Uma cama vira um quarto, uma mesa de jantar vira uma sala de jantar e uma bancada de cozinha faz uma cozinha. “

“Em última análise, trata-se de uma combinação de pensamento lógico, conhecimento, honestidade, criatividade e meu compromisso com o cliente.” (Joris van Grinsven)

E agora confiram um dos projetos proposto por Joris. Essa casa de campo toda branquinha que cria um cenário de fundo figura destacando o mobiliário clássico/moderno/arrojado. E observem também como a iluminação foi projetada, ora embutida toda discreta, ora toda se exibindo de luminárias de piso, arandelas e lustres rebuscados.

cottage_10

cottage_05

cottage_02

cottage_16

cottage_09

cottage_11

cottage_07

cottage_06

cottage_04

cottage_13

cottage_08

cottage_03

cottage_12

cottage_14

cottage_15Fonte das imagens site: Etxekodeco.

Graphic Lamp

In Luminária decorativa on 5 de fevereiro de 2013 at 17:07

lighting-pop-art-lighting-by-delightfull-unique-lamps_01 lighting-pop-art-lighting-by-delightfull-unique-lamps_02 lighting-pop-art-lighting-by-delightfull-unique-lamps_03

Ahãmmmm, para quem curte “graphic lamp“, a DelightFull está lançando sua nova coleção com letras e números para que você possa compor palavras, frases ou apenas uma letra inicial, além da função de iluminar. Lembram do post que fizemos sobre essas “letreiro iluminado” compondo com os ambientes? Então, inspirem-se, pois estas peças além de divertidas, despojadas e com caráter de personalizar o ambiente, elas substituem a iluminação de um abajur por exemplo.

 

Imagem do dia

In Luminária decorativa on 5 de fevereiro de 2013 at 9:00

Fonte da imagem site: Pinterest.

Detalhe de gesso no projeto luminotécnico_02

In Projeto luminotécnico on 4 de fevereiro de 2013 at 10:00

gesso_04

gesso_12

Ok, eu confesso uma queda irresistível por sancas divergentes. E esse projeto super me conquistou, eu morri de amores e você, o que achou?

Rebaixo de forro com gesso deixa o teto “limpo” minimizando o excesso de informação e permite uma ótima liberdade na distribuição dos pontos luminotécnicos. Por isso gosto de apresentar aqui no blog soluções com gesso, que você pode conferir nos seguintes post: Detalhe de gesso no projeto luminotécnico_01 e Detalhe de gesso.

E este projeto apresentado neste post por ILMIODESIGN tinha como principal partido projetual valorizar as obras de arte e design dos proprietários. E assim foi realizado nas áreas comuns do apartamento distribuido as peças. E a iluminação com esse desenho de sanca divergente tem a função de guiar o caminhar e o olhar para as obras. O mais interessante do detalhe de gesso são os cantos que não foram desenhados em ângulos retos como o comum. E ai que eu me derreti pelo projeto, essa curva no encontro de linhas verticais e horizontais ficou muito charmoso e suave. Com certeza o profissional que executar esse projeto tem que ter muita habilidade e zelo pelo trabalho para que o resultado final seja satisfatório.

Neste caso, as lâmpadas fluorescente tubulares farão sombra nos cantos curvos. Para evitar que isso aconteça, com certeza as fitas de LED concluirão com um bom resultado.

gesso_11

gesso_05

gesso_10

gesso_09

gesso_07

gesso_06

gesso_19

Nesta imagem acima foi utilizado lâmpadas linestras, perfeitas para área de espelho proporcionando o “efeito de camarim”.

gesso_18

gesso_17

gesso_20

gesso_16

gesso_15

gesso_14

gesso_13

gesso_03

gesso_02

gesso_01

Essa iluminação indireta no rodapé é muito funcional, além de balizar o caminho, é possível deixa-lo ligado durante o período noturno.

gesso_08Fonte das imagens site: Home DSGN